10

out

Fritadeiras sem óleo. Vale a pena o investimento?


 

Fritadeiras sem óleo estão invadindo o mercado, mas será que realmente cumprem o que prometem? Aparentemente, sim…Há então uma luz no fim do túnel! Alimentos fritos, que são extremamente saborosos, podem ser tornar mais saudáveis.

As fritadeiras elétricas prometem (e cumprem!) preparar batata frita, salgadinhos e outras delícias sem óleo graças a uma tecnologia que usa circulação rápida de ar quente sobre o alimento. A promessa é fritar os alimentos deixando-os sequinhos e mais saudáveis, porém preservando o sabor. O sistema elimina até 80% da gordura das batatas fritas, por exemplo.

Vale a pena investir?

1. Na verdade não é sem óleo nenhum. Mas a redução é impressionante! Com apenas uma colher de óleo você pode preparar 1 kg de batata. Ela faz o cozimento dos pratos combinando ar quente e um sistema giratório para uniformizar a fritura. Preparados assim, os alimentos ganham uma aparência dourada e ficam levemente crocantes.

2. A função “timer” avisa quando a comida está pronta.

3. Não deixa cheiro de gordura na cozinha.

4. Mantém os nutrientes da comida e diminui seu teor calórico, já que dispensa óleo (ou usa uma quantidade mínima), contribuindo, assim, para o controle do colesterol. A comida também não fica encharcada de gordura quando você, sem querer, deixa a fritura passar do ponto.

Características das panelas disponíveis no mercado

Feita de aço inox, tem o interior revestido de material antiaderente para facilitar a limpeza.

A panela tem ainda um termostato que desliga automaticamente quando a temperatura ideal é atingida, tornando-a segura. O modelo feito com material térmico aumenta essa segurança porque mantém estável a temperatura externa, evitando o superaquecimento da panela.

Para limpar:

Deixe o aparelho esfriar por completo antes de limpá-lo.

Lave as peças removíveis com uma esponja macia e detergente ou coloque-as na máquina de lavar louça. O restante pode ser limpo com um pano úmido. Atenção: jamais mergulhe-a diretamente na água.

Economize óleo na fritura!

Enquanto uma colher (sopa) de azeite ou óleo é suficiente para fritar de 700 g a 1 kg de batata na fritadeira elétrica, na convencional é preciso, em média, 3 xícaras (chá).

Pensando assim, vale muito a pena!

Fritadeira LightFry Suggar:

 

 


Artigos Relacionados

5 Comentários para Fritadeiras sem óleo. Vale a pena o investimento?

  1. Great beat ! I wish to apprentice while you amend your site, how can i subscribe for a blog website? The account aided me a acceptable deal. I had been tiny bit acquainted of this your broadcast provided bright clear idea

    [Responder]

  2. Candice

    Não fica igual, afff… fica tipo assado. Deviam dizer assadeira, e não fritadeira! Quem diz que frita sofreu uma lavagem cerebral!

    [Responder]

    cookmkt respondeu:

    Olá Candice! Na verdade, o alimento é realmente assado através de um sistema de ar quente. O nome “Fritadeira” remete apenas a característica de manter o alimento crocante por fora, como um alimento frito. A grande vantagem desse tipo de produto seria o fator saúde! Obrigada pelo seu comentário.

    [Responder]

  3. William

    Dizer que vale a pena é dureza viu…
    só se vc tiver ganhado uma graninha pra fazer essa propaganda… aí vale a pena ter um trambolho desses em casa… comi umas batatas e uns minichickens e digo que ficou ó ó… uma bosta!!!

    [Responder]

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>